Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Alagoas Bandeira

Bandeira

bandeira alagoas


Bandeira de AlagoasA Bandeira do Estado de Alagoas foi instituída pela Lei Estadual n° 2.628, de 23 de setembro de 1963. Foi baseada em estudo apresentado pelo professor Théo Brandão à Secretaria de Educação e Cultura. Posteriormente, o Poder Executivo enviou-o, sob a forma de ante-projeto de Lei, ao Poder Legislativo, que o aprovou na íntegra:



Topo


lei

Modifica o Brasão de Armas e cria a Bandeira do Estado de Alagoas e dá outras providências.

Topo


brasoes

 Primeiro Brasão

Primeiro Brasão de Alagoas, durante domínio holandês

 

Segundo Brasão

Segundo Brasão de Alagoas, período republicano

Topo


bandeira do brasil

Bandeira do BrasilA Bandeira do Brasil foi adotada pelo Decreto n° 4, de 19 de novembro de 1889, preparado por Benjamin Constant, membro do Governo Provisório.

 

A idéia da nova Bandeira do Brasil deve-se ao professor Raimundo Teixeira Mendes, presidente do Apostolado Positivista do Brasil. Com ele colaboraram o Dr. Miguel Lemos e o professor Manuel Pereira Reis, catedrático de astronomia da Escola Politécnica. O desenho foi executado pelo pintor Décio Vilares.

 

As cores verde e amarelo estão associadas à casa real de Bragança, da qual fazia parte o imperador D. Pedro I, e à casa real dos Habsburgos, à qual pertencia a imperatriz D. Leopoldina.

 

O círculo interno azul corresponde a uma imagem da esfera celeste, inclinada segundo a latitude da cidade do Rio de Janeiro às 12 horas siderais (8 horas e 30 minutos) do dia 15 de novembro de 1889.

 

Cada estrela representa um estado da federação; cada uma tem 5 pontas e não possui o mesmo tamanho; elas aparecem em 5 (cinco) dimensões: de primeira, segunda, terceira, quarta e quinta grandezas. Estas dimensões não correspondem diretamente às magnitudes astronômicas, mas estão relacionadas com elas. Quanto maior a magnitude da estrela, maior é o seu tamanho na Bandeira.

 

Embora alguns digam que a faixa branca da nossa bandeira representa a eclíptica, ou o equador celeste ou o zodíaco, na verdade é apenas um lugar para a inscrição do lema "Ordem e Progresso". Não possui qualquer relação com definições astronômicas.

 

O lema "Ordem e Progresso" é atribuído ao filósofo positivista francês Augusto Comte, que tinha vários seguidores no Brasil, entre eles o professor Teixeira Mendes.

 

A Badeira do Brasil passou por modificações desde sua criação, sendo modificada pela primeira vez pela Lei n° 5443 (Anexo no 1) de 28 de maio de 1968, posteriormente pela Lei n° 5700 de 1 de setembro de 1971 e, por último, pela Lei n° 8421 de 11 de maio de 1992.

 

A forma e o uso das bandeiras nacionais é, em geral, regido por regras bastante severas. As suas dimensões, sua forma, suas cores, enfim, toda a sua geometria é regulamentada por alguma lei. No caso da Bandeira do Brasil, é a Lei n° 5700 de 1 de setembro de 1971 que "dispõe sobre a forma e a apresentação dos símbolos nacionais".

 

Esta lei fala dos "símbolos nacionais", ou seja, rege o uso e as formas da bandeira, o hino, as armas e o selo nacionais.

Lei 5700
 

Topo

Ações do documento